sábado, 29 de setembro de 2012

Camaro 69

Olá, boa noite,

O que pensar de mais um Camaro com motor de Corvette? Agora, o que pensar quando esse Camaro tem um irmão mais velho, com o mesmo corpo, que atinge 1000 cv de potência? O que nós devemos esperar dele? Bom, vamos juntos conhecer essa nave.

O motor: um LS9 v8 6.2 litros que produz 638 cv e 819 Nm de torque. Ele trabalha em conjunto com uma transmissão Tremec TR56 de seis marchas para empurrar todo o peso do Camaro. Boatos que ele fez o drift que tá na galeria com meio pedal, totalmente sem fazer força alguma no motor, simplesmente tirou o pé da embreagem, e deixou fluir. Animal.

A suspensão dianteira também é do Corvette, e a traseira é uma four-link e foi um trabalho artesanal para abrigar as rodas escolhidas para o projeto, que são as do Corvette ZR1 atual, nada mais justo que fossem essas, afinal, existe todo o trabalho de rebatimento de paralamas para abrigar rodas maiores e que auxiliassem ainda mais na estabilidade do carro.

O porta-malas é uma obra de arte a parte. Olha só os canos da suspensão ali, o espaço livre que eles deixam, o acabamento , a bateria. Sem contar nos terminais de saída do escapamento que são escondidos. Mas tão bem escondidos que não aparecem em simplesmente nenhuma foto da matéria. Aproveita que você já tá aqui, e curte a página do blog no facebook e o post também. É só clicar em like aqui embaixo e ali na barra na direita. E curte mais um pouco a galeria do carro.

Fonte: Área de Descanso

Até mais,

Chapecó Kombi Clube

quarta-feira, 26 de setembro de 2012

Porsche P/904 Carrera

Olá, boa noite,

Um outro projeto, alguma coisa inovadora e retro. Nada mais justo que dessa vez eles brincassem com o Porsche que o neto do fundador da marca desenhou. O original venceu provas de Le Mans e de Targa Florio nos anos 60. O que esse aqui quer ganhar? Seu coração.

A base pra esse brinquedo de gente grande, vai ser a segunda geração do Porsche Boxster atual. Motor de 6 cilindros e 3.4 litros, 291 cv de potência, caixa de 6 marchas manual e um sistema de escape único, feito sob medida, pra fazer com que esse carro, tenha o som do carro que competia nos anos 60, além de uma suspensão ajustável.

A carroceria vai ser em um material híbrido composto de alumínio feito na Alemanha, mas nada que seja leve demais, afinal, ele está sendo construído para ser um carro de rua, e não de competição. As rodas de 18 polegadas são feitas sob medida e são construídas por eles mesmos. O painel interno, conhecendo a Gullwing, vai ser lindo, e segundo eles totalmente retrô. Se você quiser ter uma idéia, é só ver o interior daquela Ferrari que eu falei no começo do post. Sobre os valores, parece que eles vão gastar algo em torno de 60000£ ( mais ou menos R$174 mil) só na construção da ‘lata’, rodas, e interior, isso tudo sem contar com o carro base ou qualquer outro serviço.

Fonte: Área de Descanso

Até mais,

Chapecó Kombi Clube

207!

Olá, boa tarde,

Olha o carrinho da Peugeot, o badalado 207, "mexido" por algum lunático!?!?!?

Até mais,

Chapecó Kombi Clube

sábado, 22 de setembro de 2012

Concept da Audi: Lugnegard

Olá, boa tarde,

Algumas fotos do sonho desenvolvido pela Audi.

Fonte: Área de Descanso

Até mais,

Chapecó Kombi Clube

Hot Rod Russo

Olá, boa tarde,

Quem vê esse caminhãozinho antigo aqui, não pode imaginar no que ele se transformou depois de uma idéia brilhante, muito trabalho e força de vontade.

Fonte: Área de Descanso

Até mais,

Chapecó Kombi Clube

sexta-feira, 21 de setembro de 2012

Corvette C1-RS 7.0 LS7 V8

Olá, boa noite,

A história desse Corvette aqui, meio que se repete nesse Pontiac, nesse Camaro e nesse Mustang aqui. A moral é a seguinte, você tem dinheiro, e está procurando um carro novo pra sua coleção ou já está trabalhando em um outro clássico que você já tem, quando de repente, você dá de frente com um carro assim. Um hot-rod nato, e com potencial pra se tornar um carro de outro mundo. Essa é a história de Barry Blomquist e do seu Corvette C1RS de 1962, e eu vou mostrar um pouquinho do que veio a ser o seu carro.

O carro não era mais nada, estava fadado a ser esquecido e jogado fora, como entulho, até que seu dono o encontrou. Refez a carroceria, toda em fibra de vidro, num design do que ele achava que o C1 deveria parecer. Óbvio que com o passar do tempo e com o caminhar das coisas no projeto, ele viu que algumas modificações poderiam ser feitas, e precisou de um modelador 3D pra ir tendo idéias melhores de como o carro deveria ficar. Não era um projeto inédito, reviver um Corvette clássico, colocando nele mecânica e estrutura de uma geração atual.

O coração do projeto é uma obra prima. De verdade. É um motor V8 LS7 do Corvette C6, fabricado sob medida pela Kinsler com filtros e entradas de ar montadas com fibra de carbono. Não foi especificada a litragem do motor, mas deve girar na casa dos 7 litros. Ele produz 618 cv e 635 lbft de torque. É um chute na tua coluna a arrancada do carro. Trabalhando com o motor, tem uma transmissão Tremec T56 de seis marchas, tudo pra fazer o carro ser suave e preciso na hora que ele for exigido. Os freios são Brembo pra garantir que a parada vai frear quando tiver que frear e molas são Eibach, todo o resto do conjunto suspensão e chassis, foi feito sob encomenda.

O interior é conceitual demais. Inspirado na modernidade dos Corvettes atuais com um trabalho de tapecaria e estofamento que só se via nos carros antigos. O painel é de alumínio, inteiro trabalhado, e aquele botão vermelho (clica na imagem pra ampliar) atrás da alavanca do câmbio, é o Starter do motor. Os mostradores são exclusivos e desenhados para esse carro especificamente, mesmo porque, nada deveria não ser custom num carro desses, certo? Na outra foto na galeria, você consegue ver em detalhe o ‘pseudo Sant’Antônio’ do carro totalmente integrado ao desenho e com o bocal do tanque escondido, logo atrás da cabeça do piloto/motorista.

A grade exclusiva e as lanternas led embaixo que vem do Porsche 997 dão um toque especial pro carro. As rodas forjadas, também feitas sob medida E encomenda, são de 19″ na dianteira e 20″ na traseira e são calçadas com pneus Michelin Pilot Sport PS2s 275/30 (dianteira) e 335/30 (traseira).

Espero que tenham gostado do carro.

Fonte: Área de Descanso

Até mais,

Chapecó Kombi Clube

terça-feira, 18 de setembro de 2012

Veloster Doido

Olá, boa noite,

Fotos de um trablho magnífico de envelopagem de veículo. Ainda mais em se tratado de um Hyundai / Veloster, cuja fonte é o site da Auto Custom

Até mais,

Chapecó Kombi Clube

Rat's

Olá, boa noite,

Apenas algumas idéias de Rat's.

Até mais,

Chapecó Kombi Clube

Chevy C10 1967

Olá, boa noite,

Algumas fotos de uma Chevy C10 1967. Boas idéias para quem adora essa pickup.

Até mais,

Chapecó Kombi Clube

domingo, 16 de setembro de 2012

Coe Top

Olá, boa noite,

Algumas fotos do Coe. Um trabalho muito bom de restauração, colocando essa preciosidade de volta às ruas.

Até mais,

Chapecó Kombi Clube

sábado, 15 de setembro de 2012

Chevrolet Apache 1958

Olá, boa noite,

Aqui vão algumas fotos de uma Chevrolet/Apache 1958 toda restaurada. A pickup dispensa quaisquer maiores elogios, não há o que dizer além de contemplar a beleza dessa raridade.

As fotos foram retiradas do site AccuAir.

Muito obrigado!

Até mais,

Chapecó Kombi Clube

quinta-feira, 13 de setembro de 2012

Impala 1965

Olá, boa noite,

Hoje vou postar fotos de um Chevrolet/Impala 1965 todo restaurado. O carro é lindo e nos faz pensar realmente no valor de um antigo. Dedicado ao amigo Rafael!

Muito obrigado!

Até mais,

Chapecó Kombi Clube

quarta-feira, 12 de setembro de 2012

40.000

Olá, boa noite,

Agradecer é o que nos vem a mente pelos 40 mil e poucos acessos ao nosso blog, humilde, mas que tenta capturar a essência da paixão por veículos, sejam antigos ou tunados.

Muito obrigado!

Até mais,

Chapecó Kombi Clube

sábado, 8 de setembro de 2012

Vende: Chevrolet Brasil 1960

Olá, boa tarde,

O amigo Thiago VENDE!

Ele mora em Xanxerê/SC., é visitante assíduo de nosso blog e nos pediu uma "força", pois está vendendo uma Chevrolet Brasil 1960.

Então aí vão algns detalhes e as fotos da pickup dele:

"Chevrolet Brasil 3100, ano 1960, totalmente restaurada, documentação em dia, motor e caixa original, pintura perolizada, bancos elétricos, rádio CD, tapeçaria nova.

Valor: R$ 50.000,00

Mas estuda propostas
.

Contato: thiagosoffiatti@hotmail.com

Até mais,

Chapecó Kombi Clube



Golf G1 pt.4

Olá, boa tarde,

Estou fazendo uma limpa nos meus arquivos de fotos e apareceram mais algumas de Golf's da primeira geração que vou postar!

Até mais,

Chapecó Kombi Clube

sexta-feira, 7 de setembro de 2012

Chevy Stepside 1957

Olá, boa noite,

Simplesmente maravilhosa a Chevy Stepside 1957, não há como negar o trabalho excelente feito neste carro.

Até mais,

Chapecó Kombi Clube

A "Gringa"

Olá, boa tarde,

A F100 preta de nome "Gringa" vale apenas curtir, cujas fotos foram retiradas do site do Cars 4 Fun, onde também tem uma matéria interessante sobre a pickup produzida pela 12 Volt Boost.

Para que ficou apaixonado e só por a mão no bolso, pois ela está à venda no Mercado Livre.

Até mais,

Chapecó Kombi Clube

Internacional Truck 2

Opa!

Aqui vão dois link's com as matérias prometidas.

Você poderá ver no idioma original aqui na Fast Car ou aqui na Stance Iseverything.

Por outro lado, vou colocar ainda a tradução literal (do google), necessitando a interpretação das informações já que não correspondem fielmente o que foi dito no orginal ou o que o original retratou.

Versão do Fast Car:

"A primeira vez que vi este caminhão foi cercado por fileiras e fileiras de cavaleiros baixos e caminhões de mini, mas o segundo eu coloquei os olhos sobre ele pegou visão de túnel e tudo o mais instantaneamente se tornou um borrão.

Devo ter circulado este caminhão pelo menos uma dúzia de vezes e ficou por isso para a bons dez minutos e ainda não tinha idéia de quanto trabalho o proprietário Rob colocar em transformar este 1977 Internacional Loadstar de um veículo de trabalho padrão para o raspador pavimento você vê hoje.

De tudo o pára-choques dianteiro para trás sobre este caminhão é o trabalho de fabricantes extremamente talentosos e construtores. O piso e firewall são completamente arranhão construído como são as dobradiças da porta de suicídio, e todas as juntas do corpo da frente foram soldadas e alisou fechada para dar a cabina corpo uma aparência limpa refinado.

Para além de todos os bits desnecessários sendo raspados do exterior da fábrica 1977 iluminação tem sido abordada por todo o veículo. No pedestal telhado luzes montadas foram adicionados e nas laterais e traseiras das luzes de acessórios foram trocados para unidades de LED, por último, mas não menos HIDs agora sentar-se na posição de farol sob as viseiras cromo substituindo a fábrica equipados feixes selados que viveram sua anteriormente .

Abaixo da cabine do quadro é uma obra de arte servindo agora o dever dobro como os caminhões tanque de ar 25 litros, além de sua espinha dorsal. O x 3 1/4 "estrutura de parede foi completamente selados permitindo que o ar de viajar através dele para o 10, 000 £ de transporte de camiões sacos de ar através de 3/8" linhas de aço e meio e 3/4 "válvulas.

A suspensão de que os parques deste caminhão no mato é um costume sólida feixe / setup link 3 e as rodas do caminhão semi ter sido moída até 22 "e 24" (de 22,5 "e 24,5" polegadas) dando Rob a capacidade de executar Falken FK452 255/35zr22m e 255/30zr24 pneus.

Sob o capô do Chrysler amarelo gigante vive um 7.3L Ford IDI diesel do motor puxado a partir de 1991 E350 (que também doou seus centros de conexões frontais e freios) que tem sido dado um upgrade de poder através de um golpe Ford Power turbo e intercooler e Dodge.

O motor agora se sobre a potência do motor não tem nenhum problema de mover o caminhão na estrada enquanto liga o compressor do motor Iorque driven.

Embora seja bastante fácil para mim descrever as modificações feitas a este veículo que eu realmente não posso encontrar as palavras para transmitir a presença que tem em pessoa. Seu tamanho só exige um certo tipo de respeito.
Catherines Felizmente talentosos St. baseada fotógrafo Steve Wharton (o homem por trás E11even: 11: Fotografia) tem sido capaz de capturar quase todos desta essência caminhões nestas fotos fantásticas.

Steve e eu estamos esperando para trabalhar juntos por um tempo agora e 2011 deve ver um monte de colaboração entre a posição é tudo e E11even: 11: Fotografia. Se essas fotos são um exemplo do tipo de trabalho que ele produz, então todos nós devemos estar em uma surpresa.

Estou feliz por ter um fotógrafo como Steve a bordo e não tenho dúvida de que o tipo de trabalho ele se submete para este ano será a segunda a nenhum deles.

Espero que você esteja tão animado quanto eu.

Crédito da foto: Steve Wharton - E11even: 11: Fotografia

1977 Internacional Loadstar 1600 - Lista de Mods completo:

Chassis / Suspensão
- Full-Frame personalizado construído
- 3X6 ¼ "parede, completamente selado e usado como ar de tanque (25 galões)
- Frente -3 ligação com suspensão de feixe personalizado sólida
- Frontais e freios centros de 1991E350
- Traseira ligação -3 com Sterling diferencial 10,25
- 10.000 £ transporte sacos de caminhão em todos os quatro cantos
- 3 / 8 "válvulas de ar, ½" linha dura
- Digital manômetro de ar
- York motor conduzido compressor
- Quinta-engate roda
- Dual-combustível personalizado tanques construídos

Drivetrain
- 7.3L Ford IDI diesel de 1991E350
- Ford E4OD transmissão
- 2001 Intercooler rodeio
- 2002Ford powerstroke turbo em manifolds personalizados
- Massivo refrigerador da transmissão
- Turbo injetores de código
- De injeção da bomba virou-se e timing avançado
- 5 "Escape de 5" pilha de corte inclinada
- 3 "Creme de tubulação de intercooler powdercoated
- Holley vermelho bomba elétrica de combustível

Exterior
- Chão e firewall a partir do zero
- Suicidas portas com dobradiças fabricadas
- Raspada maçanetas
- Soldada e costuras corpo liso da frente
- Pedestal táxi luzes de montagem
- LED de iluminação dianteira e traseira
- HID faróis
- Cromo viseiras mais de todas as luzes
- Carga cesta
- Pintado Chrysler clássico amarela

Interior
- Alisado e pintado traço
- Sede de 1993 caminhão Chevy recuperados por proprietários esposa
- Autometer medidores para-velocímetro, tacômetro impulso, egt, trans temperatura, pressão de óleo, temperatura de refrigeração, volts, nível de combustível
- Alpino estéreo em porta-luvas
- SOUNDSTREAM 5 canais ampères
- RE áudio 6.5 "falantes
- 2 12 "RE Áudio subs
- Triplo-ar chifres trompete

Rodas e Pneus
- Rodas dianteiras-22.5 "rodas semibranqueado a 22"
- Pneus-255/35zr22 frente Falken FK452
- Traseiras rodas-24.5 "rodas semibranqueado a 24"
- Pneus traseiros-255/30zr24 Falken FK452
- Adaptadores personalizados"




Versão do Stance Iseverything:

"Eu tenho que admitir minha mandíbula, juntamente nada sutil. Mas, com todo mundo no FC Towers absolutamente cair no chão quando eu pus os olhos sobre este Canadian International Loadstar. É o cartão perfeito selvagem, algo que você não apenas esperar para ver, e tem uma presença em estrada completamente diferente de qualquer outro. Dê uma olhada mais de perto embora e você vai ver que é também muito mais do que apenas uma incrível bateu caminhão. Em toda a probabilidade isso é o mais legal de carga lugre no planeta.

Devido ao seu tamanho, você pode pensar que este é o leviatã quando se trata de os mods, que é onde você está errado. Dê uma olhada em que spec enorme. Será que você encontrar tudo lá sem alguma concentração sério? Eu certamente não o faria e que é o meu ponto. À primeira vista, é difícil compreender o quanto trabalho tem ido para transformar este equipamento setenta para a obra de arte que você vê diante de você.

Há mais aqui do que os olhos e é um projeto que deve mais ao mundo de carro personalizado um prédio de hot-rod do que a qualquer tipo de bolt-on modding. A abordagem é o que alguns em toda a bacia pode chamar de tradicional. Há algumas adições modernas, como a mais recente de iluminação LED e equipamentos de áudio, mas a maioria esta máquina maluca foi criada por invadir as caixas de todos os americanos de peças. É uma prova de engenharia old skool e super-qualificados de fabricação.

Felizmente o seu proprietário, Rob Vanluik, é algo de um mestre nesse departamento. Ele é o tipo de cara que, em grande estilo A-Team verdade, pode entrar em um galpão com nada, mas três varas lollypop e um caso de salmão vermelho e sair com algo que pode dominar o mundo. Isso é muito bonito o que aconteceu com este monstro.

A grande maioria das bases de corpo caiu têm sido fabricados a partir do zero. A estrutura do chassi único inclui até mesmo um tanque de ar personalizado para os sacos de transporte industriais caminhão em cada canto. Depois, há as peças de salvamento restaurados, como o táxi-corpo, o que é um pouco como ele saiu da fábrica. Um rosto familiar, que decorou um vagão muitos médio porte e ônibus escolar ao longo dos anos, este exemplo particular, tem sido costura soldada e alisou a perfeição, equipado com portas suicidas personalizados e coberto de tinta que exuberante Chrysler amarelo clássico. Até mesmo as rodas foram moídas até um centímetro de aceitar esses pneus Falken monstro. Todas as coisas que você normalmente não notar.

Obviamente, este é o Canadá e não fazer estoque sob o capô também. O motor padrão foi binned para o 7,3-litros V8 Diesel de um 1990 Ford E-Series van e até mesmo que foi modificado com um turbo uprated de um motor Powerstroke 2002 Ford e um intercooler enorme de um Dodge 2001. Na verdade não há praticamente nada, a partir dos hubs para a pilha de escape, que não tenha sido pensado, colocar sob o microscópio e sutilmente fettled para completar o pacote total.

As primeiras impressões podem ser de um caminhão super-cool, e para alguns isso é o suficiente para tirar pescoços de rolamento na rodovia. Mas olhe mais perto, muito mais perto, e abre todo um novo mundo de bondade modificado.

Isso, caro leitor, é o que transforma um grande passeio em um verdadeiramente impressionante!

TECH SPEC
1977 Internacional loadstar 1600

DENOMINANDO
Portas suicidas com dobradiças fabricadas;; custom-built chão e firewall maçanetas raspadas; soldadas e costuras corpo suavizados; luzes de táxi pedestal de montagem; dianteiros de LED e iluminação traseira, faróis HID; viseiras luz cromo; cesta de carga; pintado Chrysler Classic Amarelo.

CHASSIS
22,5 e 24,5 polegadas rodas semibranqueado de 22 e 24 polegadas. 255/35 × 22 e 255/30 × 24 Falken FK452 pneus; adaptadores hub personalizados; quadro construído personalizado completo; totalmente selado parede usado como 25 litros do tanque de ar; três-link suspensão dianteira com feixe de costume sólidos; cubos dianteiros e freios de 1991 Ford E350; três-link traseira com diferencial Sterling 10,25; £ 10.000 sacos de caminhão de transporte; meia polegada duro linha digital medidor de ar; Iorque compressor com motor; engate da quinta roda; custom-built tanques de combustível dual.

TUNING
1991 E350 7.3L Ford IDI motor diesel; Ford caixa E4OD; 2001 intercooler Dodge; 2002 Powerstroke Ford turbo em variedades de costume; refrigerador da transmissão maciça; injetores de código turbo, de 5 polegadas de escape para 5 polegadas pilha corte inclinação; 3 polegadas tubulação intercooler , creme em pó revestido; Holley bomba de combustível elétrica.

INTERIOR
Traço alisado e pintado e assento de 1993 Chevy caminhão; Auto calibres do medidor para velocímetro, tacômetro impulso, EGT, temp transmissão, pressão de óleo, temperatura de refrigeração, volts, nível de combustível; estéreo Alpine no porta-luvas; Soundstream 5-channel amp; Áudio RE alto-falantes de 6,5 polegadas, 2 × 12 polegadas, subs Áudio RE; buzinas de ar triplo trompete."


Era isso.. mas se você quiser acessar as fotos do álbum clique 1977 International Loadstar 1600

Abraços,

Chapecó Kombi Clube